Atualizado: Qual o melhor curso de Maquiagem Online? -portuguese only.

No meu “tempo” (porque eu usava pancake) não existia ‘contorno’, ‘iluminador’, ‘primer’, e onde fica o tal côncavo? Nem fazia ideia que ele existia e muito menos o que fazer com ele para realçar ou disfarçar, porém aprendi bastante depois dos cursos.  Vou falar do cursos que fiz, o da Bianca Andrade , o da Lu Ferraes ,da Duda Fernandes e de Camila Nunes, sendo elas maquiadoras profissionais, e o da Juliana Góes, que também dá dicas de beleza ótimas há algum tempo pelo youtube.

As cinco você encontra no youtube e pode conferir nos respectivos sites e assim decidir qual gosta mais e com quem vai querer se aprofundar na área da maquiagem. Aqui vou dar minha opinião sobre cada um:

 

dudaCurso de Auto-maquiagem Duda Fernandes: o curso da Duda é bem completo, e se você gosta de makes com ar mais dramático e adora um olhão, então esse é o seu curso. Os módulos de olho esfumado, degrade de sombra e olho glitterinado são bem detalhados e você aprende a destacar o olhar, noite e dia. Duda também separou uma aula específica para  pele oleosa e truques para a make durar mais, além de aprender diferentes tipos de delineados- e o que eu mais gostei- como fazer um olhão para noite sem a necessidade do delineado (pra quem tem mais dificuldade)!

cursomakebocarosaCurso Maquiagem Profissional – por Bianca Andrade: foi o primeiro que eu fiz e nele já fiquei sabendo da existência de diferentes tipos de pincéis e esponjinhas para aplicação da make. O curso é bem amplo e mostra como seria trabalhar como maquiadora. Se você gosta de maquiagem e esta se perguntando se vale a pena investir num curso profissional, a Bia vai acabar com suas dúvidas!

hot2502Curso de Maquiagem para pele Negra, com Camila Nunes e Boca Rosa: esse curso é específico para pele morena e negra,com módulos para: maquiagem de noiva, contorno,como escolher a cor do blush,  adaptação de makes de celebridades para a pele negra, olhos com gliter,como escolher o tom de base ideal, escolha de batons nude, vermelho e rosa, as sombras que mais combinam com peles morenas e negras, além de dicas de como atender clientes.

cursomakeluferraes1Curso Make Total – por Luciane Ferraes: esse é mais caro porém também mais completo, e o foco é descobrir o formato do seu rosto, olhos, e até cores que irão favorecer sua make. Foi com ela que descobri o que é côncavo e como realçar meus olhinhos pequenos e com pouca pálpebra móvel aparente (antes eu não sabia nem o que era o que e onde ficavam – risos). Ela vai te ajudar a disfarçar ou realçar o que quer que você queira com pequenos detalhes. Eu gosto muito dela, e isso também conta, afinal ninguém quer ver vídeos de alguém que a gente não gosta tanto assim, por isso é bom dar uma olhada em algum vídeo disponível no youtube para você conhecer cada uma delas (eu gosto das 3, por isso fiz e recomendo os cursos).

cursomakejulianagoesCurso de Automaquiagem – por Juliana Góes: fazer esse curso foi ótimo porque a Ju também da dicas de beleza para a pele, além de makes para o dia e noite, levando sempre em consideração que não existe regras, que assim como na vida, a maquiagem deve ter o seu estilo e personalidade. Mesmo assim, seus truques de beleza ela revela detalhadamente no curso, e você aprende também a usar o que tem em casa ou a montar um kit básico de make. Eu gosto muito da Juliana, ela é agradável, tem uma vibe boa e sempre prioriza a saúde antes de tudo.

Cada uma tinha uma dica especial, mas se tivesse que escolher, como eu não sabia tanto de maquiagem, o curso da Lu Ferraes  e da Duda Fernandes foram os mais completos, porém a Juliana revelou umas dicas de ouro e a Bia me apresentou o mundo da maquiagem pelos olhos de uma profissional da área, tirando minhas dúvidas sobre seguir ou não essa profissão e disse: “treino e prática são os melhores cursos!”. Ou seja, não adianta ficar só olhando tutoriais de maquiagem e não praticar em si, caso contrário naquele dia que você precisar de uma make linda não vai ter adiantado nada aprender tantas dicas, afinal maquiagem é prática.
#DICA: vale presentear a namorada agora no Valentine’s Day (ou dia dos namorados do resto do mundo, rsrsrs), o cursos tem duração de 60 dias!!!

Anúncios

Documentários de Moda que amamos! Fashion documentaries we love!

Se você adora moda, então vai amar essas dicas de documentários que mostram os bastidores dos fashion shows, a vida pessoal e profissional dos designers, como foi a trajetória deles até conseguirem reconhecimento de grandes marcas e também a vida de pessoas comuns que como você e eu, adoram moda e fizeram dessa paixão uma estilo de vida.

doc-jeremyJeremy Scott- the peoples designer: esse documentário conta a vida de Jeremy Scott desde sua infância no interior dos EUA, como desde criança ele já mostrava aptidão e gosto pela moda e como foi sua trajetória até conseguir reconhecimento, e os bastidores de seu primeiro fashion show para Moschino.

doc1Advanced Style: o meu favorito, mostra o dia-a-dia de mulheres que sempre amaram brincar com a moda e criaram um estilo único e divertido e continuam arrasando na terceira idade.

 

doc-dior

 

Dior and I: A vida do então novo designer da Dior, Raf Simons, é retratada tendo como pano de fundo um diário escrito por Christian Dior, suas aflições em relação a vida e seu trabalho, as expectativas ao lançar novas coleções e o estresse enfrentado por ambos, Raf e Christian.

doc-metThe First Monday in May: a famosa Anna Wintour (editora da Vogue e inspiração da Miranda Prestly de O Diabo Veste Prada) organiza o “baile” do Met Gala  que visa angariar fundos para o museu Metropolitan de Nova York e claro, atrair atenção da mídia para o universo fashion. Você sabia que todo ano uma exposição de moda é exibida no Metropolitan? O documentário mostra os bastidores da criação da exposição, deste o princípio da escolha do tema e do designer até a montagem de fato da exibição.

flag-us-uk If you like fashion, then you’ll love these documentaries that showcase the backstage of fashion shows, the personal and professional life of the designers, how their trajectory was until they were recognized by great brands and also the lives of ordinary people like you and me that love fashion and have made this passion a lifestyle.

Jeremy Scott- the peoples designer: this documentary tells the life of Jeremy Scott from childhood in a small city in the US, and show that as a child he already had aptitude and taste for fashion and how  was his journey until recognition, and the backstage of his first fashion show for Moscchino.

Advanced Style: my favorite, it shows the day to day of women who have always loved to play with fashion and have created a unique and fun style and continue to overwhelm the elderly.

Dior and I: The life of then-new Dior designer Raf Simons is portrayed with a background of Dior’s diary, his afflictions about life and his work, expectations of new collections and stress faced by both Raf and Christian.

The first Monday in May: the famous Anna Wintour (editor of Vogue and inspiration for Miranda Prestly of The Devil Wears Prada) organizes the “ball” of the Met Gala that aims to raise funds for the Metropolitan Museum of New York and of course, attract Media attention to the fashion universe. Did you know that every year a fashion show is exhibited at the Metropolitan? The documentary shows the backstage of the creation of the exhibition, from the choosing a theme  and the designer, to the actual assembly of the exhibition.

“Greenery”: cor de 2017 escolhida pela Pantone!/ the Pantone color for 2017!

 
greenery
“Greenery  estimula a segurança desejada nesse tumultuado ambiente político e social. Satisfazendo nosso desejo de renovar-se e revitalizar-se, a cor simboliza a reconecção que buscamos com a natureza, com o próximo e com um propósito maior.”
Greenery é um tom refrescante e revitalizante, símbolo de novos começos. O tom fresco e verde-amarelado  evoca os primeiros dias da primavera, quando a natureza revive,se restaura e renova.
Greenery é natureza neutra. Quanto mais submersos estiverem na vida moderna, maior será o seu desejo inato de mergulhar na beleza e na unidade do mundo natural.
É um tom que afirma a vida, Greenery também é emblemática da busca de paixões pessoais e vitalidade.
Qual é a cor PANTONE do ano?
Uma seleção de cor simbólica; Um instantâneo de cor do que vemos acontecendo em nossa cultura global que serve como uma expressão de um humor e uma atitude.
pantone-2017-color-of-year-greenery-color-combinations-by-erika-firm
Foto: VerdiGris

 

A Pantone é um instituto que trabalha com a padronização de cores e ao escolher uma cor para o ano, influencia escolhas no mundo da moda, decoração, entre outros.
A escolha da cor é estudada com antecedência por especialistas de vários ramos que juntos chegam a um consenso.
Apesar de pessoalmente achar uma cor um tanto difícil de aplicar na moda (nem todo mundo fica bem de verde-amarelado, não é mesmo?), o conceito por atrás da escolha cai perfeitamente para o ano que vamos enfrentar pela frente!
Com certeza 2017 será um ano de renovações e esperança, afinal, quem não se sentiu exausto em 2016? 
Claro que não tem como comparar o Rose Quartz e Serenity Blue- que foram as cores de 2016 e nós amamos- porém com algumas combinações é possível ficar na moda e linda!
PS: ao pesquisar as combinações e tons do greenery até me animei a colocar um pouco de verde na minha vida!  
greenery10
flag-us-uk  GREENERY – PANTONE 15-0343

A refreshing and revitalizing shade, Greenery is symbolic of new beginnings.

Greenery is a fresh and zesty yellow-green shade that evokes the first days of spring when nature’s greens revive, restore and renew. Illustrative of flourishing foliage and the lushness of the great outdoors, the fortifying attributes of Greenery signals consumers to take a deep breath, oxygenate and reinvigorate.

Greenery is nature’s neutral. The more submerged people are in modern life, the greater their innate craving to immerse themselves in the physical beauty and inherent unity of the natural world. This shift is reflected by the proliferation of all things expressive of Greenery in daily lives through urban planning, architecture, lifestyle and design choices globally. A constant on the periphery, Greenery is now being pulled to the forefront – it is an omnipresent hue around the world.

A life-affirming shade, Greenery is also emblematic of the pursuit of personal passions and vitality.

What is the PANTONE Color of the Year? A symbolic color selection; a color snapshot of what we see taking place in our global culture that serves as an expression of a mood and an attitude.

Pantone is an institute that works with the standardization of colors and choosing a color for the year influences choices in the fashion world, decoration, among others.

The choice of the color is studied in advance by experts from various areas and  together find a consensus.

Although personally I find a color somewhat difficult to apply in fashion (not everyone looks good in a yellow-green shade, isn’t it?), the concept behind the choice fits perfectly for the year that we will face ahead!

Surely 2017 will be a year of renewals and hope, after all, who did not feel exhausted in 2016?
Of course there is no way to compare Rose Quartz and Serenity Blue – which were the colors of 2016 and we loved it – but with some combinations it is possible to look fashionable and beautiful!

After some research I think I am gonna the a risk in Greenery!

Trends de 2016 que amamos vestir!/ 2016 Fashion Trends that we loved to wear!

2016 foi um ano de muita liberdade no mundo da moda! Conforto e estilo enfim vieram pra ficar e resgatamos estilos que provavelmente não iremos deixar de usar tão cedo!

O trend anos 90 que mais amei foram jeans de cintura alta,  slip-dress + camiseta branca, e oversized  jeans jacket.

Outro moda que pegou e eu amei foram os patches, o bordado, blusa off the shoulder e listras, ótimas para usar no verão!

2

Para o inverno os casacos estilo militar, a jaqueta com pelego e os casacos de pelo falso não devem sair de cena tão cedo. Aqui no Canada é inverno agora e ta todo mundo usando.

coats

Também vimos pelinho em tudo: chinelos, bolsas e até brincos!

furrr

Qual trend de 2016 você amou e não pretende largar tanto cedo???

2016 was a year of great freedom in the fashion world! Comfort and style have finally come to stay and we have rescued styles that we will not stop wearing so soon!

flag-us-uk The 90’s trend I  love the most was high waist jeans, slip-dress + white undershirt, and oversized jeans jacket.

Another trend that caught on and I loved were the patches, the embroidery, off the shoulder top and stripes, great to wear in the summer!

For  winter the military style coats and faux fur coats and jackets are not leaving the scene so soon. Here in Canada is winter now and everyone is using it! Talking about fur… they were everywhere: in purses, slippers and even in earrings.

Wich trend of 2016 did you like the most?